2015 – Planeta.Doc invade o CIC neste fim de semana e feriado

Doze filmes do Festival Internacional de Cinema Socioambiental serão exibidos gratuitamente

O Centro Integrado de Cultura (CIC) promove 12 sessões do Planeta.Doc neste fim de semana e feriado, todas com entrada gratuita. Uma ótima opção para quem quiser assistir premiadas e consagradas obras mundiais que fazem parte do Festival Internacional de Cinema Socioambiental, que está sendo realizado em Florianópolis. A mostra competitiva estará em cartaz em diferentes locais da cidade até 13 de novembro, sendo que a programação prossegue até o dia 15 de dezembro na Capital com diferentes atrações.

No sábado e domingo, às 10h, será exibido “O Menino e o Mundo”, filme de animação brasileiro de 2014, dirigido por Alê Abreu. A obra conquistou 34 prêmios no total, entre eles, o Prêmio Cristal de melhor longa-metragem no 38º Festival de cinema de animação de Annecy, na França, considerado o maior prêmio da animação mundial.

A programação de sábado terá ainda “A Tragédia do  Lixo Eletrônico” (14h) e “Como Mudar o Mundo (21h40). Na Mostra Diretores, “Sigo Siendo”, do peruano Javier Corcuera, será exibido às 20h. Tendo a música como fio condutor, o filme percorre o Peru desconhecido e recôndito por meio dos três grandes espaços que o compõem: Ayacucho (Zona Andina), a Amazônia (Selva) e costa (Lima, a cidade). O documentário foi eleito pelo júri o melhor documentário no 17° Festival de Cine de Lima.

No domingo, “Bidder 70” (16h), “Como Mudar o Mundo” (18h) e “Paraíso” (21h40) serão as atrações em exibição no CIC pela Mostra Competitiva do Planeta.Doc. Já na Mostra Diretores, às 20h, “Eu Receberia as Piores Notícias do Seus Lindos Lábios”, de Beto Brant e Renato Ciasca, estará em exibição. A produção brasileira tem Camila Pitanga como protagonista de um triângulo amoroso.

Na segunda-feira acontecerão três sessões, todas na parte da tarde e à noite. Às 18h, “A Visita”, de Michael Madsen, explora as possibilidades de um primeiro encontro entre humanos e alienígenas. Na sequencia, às 20h, “Guardiões dos Alimentos” mostra especialistas que estão tentando mudar o modo como os americanos se alimentam.

Para encerrar o feriado, o documentário “O Veneno Está na Mesa II”, de Sílvio Tendler, será exibido às 20h na mostra do FICA Itinerante. O filme recebeu o Troféu Carmo Bernardes, como o melhor longa do 17º Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental em 2015, pela perspicaz associação entre o meio ambiente, saúde e economia, propondo alternativas ao modelo hegemônico na agropecuária brasileira.

Obs.: para conferir a programação completa o link é http://goo.gl/4UOIh0.

A TRAGÉDIA DO LIXO ELETRÔNICO (Cosima Dannoritzer. Doc. ESP/FRA/GBR. 86’)
Uma jornada investigativa pelo mundo do tráfico ilegal de lixo eletrônico, revelando um comércio tóxico global alimentado pela sede de lucro e pela corrupção.
Trailer: https://vimeo.com/117388039

A VISITA (Michael Madsen. Doc. DNK/AUT/IRL/FIN. 83’)
Este filme dedica-se as possibilidades de um primeiro encontro entre humanos e um visitante alienígena. Partindo de depoimentos de cientistas, engenheiros, especialistas e militares, elabora alternativas em torno do hipotético desembarque de uma aeronave gigantesca e tripulada. Ao imaginar as possíveis respostas para perguntas aparentemente simples – como as razões da visita do alienígena e sua visão dos terráqueos, o documentário realiza também uma exploração filosófica de nossos medos frente a um contato imediato capaz de mudar nossa espécie para sempre.

BIDDER 70 (Beth Gage e George Gage. Doc. EUA 73’)
O filme narra um ato extraordinário, engenhoso e eficaz de desobediência civil, que exigiu do governo e da indústria presta- ção de contas. Em 2008 o estudante de economia da Universidade de Utah, Tim DeChristopher, cometeu um ato que iria redefinir o patriotismo em nosso tempo, acendendo um espírito de desobediência civil em nome da justiça climática.
Trailer: https://vimeo.com/19752485

COMO MUDAR O MUNDO (Jerry Rothwell. Doc. GBR/CAN. 110’)
Em 1971 um grupo de amigos navega até uma zona de testes nucleares e sua ação encanta o mundo todo. Com material de arquivo jamais exibido, que dá vida a esta extraordinária aventura, o filme conta a história dos pioneiros que fundaram o Green Peace, que definiu o moderno ativismo verde.
Trailer: https://vimeo.com/126619145

EU RECEBERIA AS PIORES NOTÍCIAS DOS SEUS LINDOS LÁBIOS (Beto Brant, Renato Ciasca. Fic. BRA, 100’) (Mostra Diretores)
Um triângulo amoroso envolvendo Cauby, um fotógrafo que visita o interior da Amazônia, Lavínia, uma mulher linda e instável, e seu marido, o pastor Ernani, que acredita ser possível consertar as contradições do mundo. Lavínia, o corpo, Cauby, o olhar, Ernani, a palavra – três lados de uma ardente paixão em meio à natureza ameaçada pela devastação.
Trailer: https://vimeo.com/34034797

GUARDIÕES DOS ALIMENTOS (Jeff Spitz e Jennifer Amdur Spitz. Doc. EUA. 74’)

Uma mãe de família americana, depois que o filho quase morre de contaminação alimentar, parte em uma jornada para entender a indústria alimentar e melhorar os hábitos alimentares de sua família. Supreendentemente engraçado, emocionante, e bastante pessoal, o filme mostra especialistas em alimentos com diferentes pontos de vistas e experiência, que estão tentando mudar o modo como os americanos se alimentam e compram comida.

O MENINO E O MUNDO (Alê Abreu. Ani. BRA. 85’)
Um garoto mora com o pai e a mãe, em uma pequena casa no campo. Diante da falta de trabalho, no entanto, o pai abandona o lar e parte para a cidade grande. Triste e desnorteado, o menino faz as malas, pega o trem e vai descobrir o novo mundo em que seu pai mora. Para a sua surpresa, a criança encontra uma sociedade marcada pela pobreza, exploração de trabalhadores e falta de perspectivas.
Trailer:https://www.youtube.com/watch?v=yvxtcAoXgcs

O VENENO ESTÁ NA MESA II (Sílvio Tendler. Doc. BRA. 110’) (Mostra Fica Itinerante)
Em qual mundo queremos viver? O mundo envenenado do agronegócio ou da liberdade e da diversidade agroecológica?
Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=0PXFcO1T-wA

PARAÍSO (Nash Ang. Doc. PHL. 60’)
Documentário ao estilo do ‘cinema direto’ que segue as vidas das crianças sobreviventes, um mês após a tragédia do mais forte tufão já registrado na Terra: Haiyan, nas Filipinas. Vamos ver a sua luta pela sobrevivência e como vão reconstruir as suas vidas no local que já foi o seu Paraíso, e que agora é apenas uma memória da tragédia e da grande perda.

SIGO SIENDO (Fic. Peru. 110’) (Mostra Diretores)
Sigo Sendo é um filme de personagens que são parte de um país. O filme fala de música e de músicos, mas não é um filme estritamente musical. Percorre o Peru desconhecido e recôndito por meio dos três grandes espaços que o compõem: Ayacucho (Zona Andina), a Amazônia (Selva) e costa (Lima, a cidade).
Trailer: https://vimeo.com/59666090

Fotos Divulgação:

Eu receberia As Piores Notícias dos Seus Lindos Lábios

O Menino e o Mundo

Sigo Siendo

O Veneno Está na Mesa II

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *